Prédio "SCI-FI" muda paisagem de cidade

Diante da crise econômica na Espanha, uma fabricante italiana de sistemas de iluminação decidiu levar renovação cultural e inovação tecnológica à região de Barcelona – o lugar que escolheu para construir sua nova sede. Fez isso por meio da arquitetura, ao erguer um edifício que mais parece saído de um filme de ficção científica. O prédio, é claro, já se tornou ponto turístico da cidade de Sant Cugat del Vallès, onde está localizado.

Projetado pelo arquiteto catalão Josep Miàs, o edifício-sede da iGuzzini Illuminazione consiste em uma intervenção radical formada por dois volumes. No subsolo estão depósito, estacionamento, auditório e showroom, distribuídos em ambientes convencionais. Mas a parte interessante está sobre este corpo retangular: uma praça que expande o ambiente urbano do entorno, e que serve de base para a imensa esfera que dá cara ao projeto.

Verdadeiro laboratório de eficiência energética, a construção é formada por uma estrutura metálica com pilar central, e um envelope de vidro com proteção solar. Pintados de branco, os espaços internos recebem uma quantidade de luz variável e controlável, sendo portanto o cenário perfeito para a exposição dos sistemas de iluminação, cujos efeitos podem ser observados no showroom do subsolo.

De acordo com o arquiteto, o projeto é inspirado em exemplos de arquitetura utópica como o pavilhão da Expo Montreal de 1967 de Buckminster Fuller ou o Instituto Lênin de Ivan Leonidov, em Moscou. Tão eficiente para a empresa quanto para a cidade – uma vez que o local rapidamente se tornou ponto de visitação obrigatório desde que foi inaugurado, no fim do ano passado -, a sede da iGuzzini prova que, em momentos de crise, uma certa dose de utopia é sempre bem-vinda.

Fonte: http://casavogue.globo.com/arquitetura/predio-sci-fi-muda-paisagem-de-cidade/